Esplendor Brasil

Rosea Nigra

ETNIAS & BRASIL

Roteiros Nacionais de Imigração, resgate. Em trabalho inédito de vinte anos, o Iphan e o MinC reúnem parceiros para projeto de preservação da cultura dos imigrantes.

 

Com o intuito de reconhecer e valorizar a contribuição das diversas etnias que compõem o painel cultural brasileiro, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) vem trabalhando há mais de vinte anos no projeto intitulado Roteiros Nacionais de Imigração. Foram identificados espaços e tradições remanescentes da peregrinação italiana, alemã, polonesa e ucraniana. A experiência pioneira teve início em Santa Catarina, onde foram realizados estudos, inventários e ações de preservação em parceria com o estado e municípios.

Para garantir o envolvimento de outros órgãos do poder público e demais parceiros, o Ministério da Cultura e o Iphan propõem a assinatura de um Termo de Cooperação que institui os Roteiros Nacionais de Imigração e tem como objetivo principal a preservação desse patrimônio. O lançamento do projeto e de assinatura do termo será no dia 27 de agosto, às 14h, no Sítio Tribess, uma pequena propriedade rural do município catarinense de Pomerode.

Um passeio pelas estradas rurais de Santa Catarina pode desvendar costumes e tradições trazidas por diversos povos que vieram para o Brasil. Seja na culinária, na música, nos dialetos, na arquitetura, nas festividades ou em qualquer forma de expressão, a cultura introduzida pelos cerca de cinco milhões de imigrantes que chegaram desde o Século XIX, encontra-se registrada e presente até hoje.

Os anos de pesquisa e inventário resultaram na compilação de um dossiê que conta a história da imigração no Brasil e em Santa Catarina, e mostra as condições atuais do patrimônio do imigrante na região. Ao mesmo tempo que propõe o reconhecimento do legado dos imigrantes por meio do tombamento compartilhado de uma série de bens selecionados, inicia o reconhecimento de áreas como Paisagem Cultural do Brasil. Também indica a criação dos Roteiros Nacionais de Imigração como uma alternativa viável de sustentabilidade das pequenas propriedades agrícolas locais. A proposta é de se inventariar outras culturas e demais estados, posteriormente.

Informações: (61) 3326-3911 e 3326-8014.

(Fonte: Assesoria de Comunicação doIphan/Edição: Comunicação Social/MinC)


voltar

Confira algumas imagens do video.